SOU EVANGÉLICO, SOU FELIZ, UMA ANÁLISE DAS PRINCIPAIS QUESTÕES DA VIDA EVANGÉLICA

Por apenas: R$ 19,99 com FRETE GRÁTIS PARA TODO O BRASIL

UM LIVRO PARA ABENÇOAR A SUA VIDA.

Veja alguns capítulos que você vai encontrar neste livro.
– Ser evangélico
- Posso ser evangélico sem frequentar a igreja?
– Qual é a roupa de um evangélico?
– Como se comportar no culto evangélico
– O perigo dos cargos
– Como entender os desentendimentos dentro da igreja?
– Seu relacionamento com os demais membros
– Quanto, em dinheiro, entregarei na igreja?
– Quando o sofrimento bate à porta de um evangélico
– Entendendo por que nem todos são curados
– Evangélicos divorciados
– Ouvindo músicas não evangélicas
– Bebida alcoólica no copo de um crente?
– Nem todos falam línguas estranhas?!
– Evangélicos certos de vidas erradas
– Igreja pequena ou igreja grande?
– Excluindo membros - um mal necessário?
– Amigos e relacionamentos apenas com evangélicos?
– O que nos une é maior do que o que nos separa
– O evangélico e a morte – O que importa é ser salvo, ser você e ser feliz dentre outros capítulos.
Comprando este livro você estará abençoando e sendo abençoado. Há algo especial de Deus nele para você.
Um livro que fala de fé e de esperança.

Peça já o seu exemplar!

À VENDA NOS SEGUINTES LOCAIS:


* LIVRARIA DA IGREJA DE NOVA VIDA DE DUQUE DE CAXIAS.
Av. Presidente Tancredo Neves, 687 – Vila Itamaraty(Itatiaia) – D. de Caxias Tel./fax: (21) 3658-3200 E-mail: igreja@novavidacaxias.com.br


* Livrarias Celebrai do Shopping Center de Caxias. Rua Mariano Sendra dos Santos, SN - Duque de Caxias - RJ Quadra 4 - Loja 10 | Cel.: (21) 9346-7347 - Tel.:(21) 2671-6073

* LIVRARIA ITATIAIA NO UNIGRANRIO SHOPPING CAXIAS.
Rua Prof. José de Souza Herdy 1216. 25 de Agosto - Duque de Caxias. Tel. (21) 2671-2808


* EDITORA CONSELHO. Av. Eunice Gondin, 160, sala 206, Recreio dos Bandeirantes, RJ Tel. 3326-3844


COMPRE AGORA E RECEBA O LIVRO EM SUA CASA COM A SEGURANÇA DO pagseguro

Por apenas: R$ 19,99

Frete GRÁTIS para todo o Brasil

Através do pagSeguro você compra parcelado através dos principais cartões de crédito.
Compre também por telefone:(21) 99697-4191 e peça seu exemplar. Você vai recebê-lo na comodidade da sua casa, com total segurança e a credibilidade dos correios. Você pode comprar também por depósito bancário: Deposite o valor de R$ 19,99 na seguinte conta: Banco Santander: Agência: 4618 Conta Corrente: 01001027-8 Envie-nos e-mail constando a a data e a hora o depósito, seguido de seu endereço completo, com CEP e telefone para contato.

Você receberá em sua casa o livro SOU EVANGÉLICO, SOU FELIZ. Uma análise das principais questões da vida evangélica.

Você vai entender muito do que acorre dentro de uma igreja evangélica no Brasil. Vai ter a fé despertada, o amor a Cristo, à igreja e a você mesmo racionalizados e fortalecidos de forma simples mas, direta.

Não perca mais tempo! Investir em conhecimento é investir em você. Peça agora e seja muito abençoado pelo que vai ler e aprender.
UM LIVRO QUE TRATA DE FORMA PRÁTICA QUESTÕES VIVIDAS DENTRO DA IGREJA EVANGÉLICA.

sábado, 1 de novembro de 2014



"Quem fica observando o vento não plantará, e quem fica olhando para as nuvens não colherá." (Eclesiastes 11.4)
Esqueçam o tempo ruim, meus irmãos e amigos. Fechem os olhos para esse vento aí. Não "comam" ou guardem essas sementes. Vale à pena plantar. 

Lembram do ditado "quem não planta, não colhe"? Realmente é muito difícil arar a terra, enfrentar o sol e a chuva, a solidão do plantio na imensidão da terra vazia. Porém, tem promessa de Deus, para quem faz isto: "Aquele que sai chorando enquanto lança a semente, voltará com cantos de alegria, trazendo os seus feixes." (Salmos 126.6)

Que sementes são estas que nos trarão tantas coisas boas?
O BEM, é a semente de Deus.

Portanto:

"E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos." (Gálatas 6.9)

Gilberto Horácio

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Filhos - Responsabilidade Celestial de Amor


Lucas capítulo 2, versículos 22-24 descreve a apresentação de Jesus com apenas quarenta dias de vida, por José e Maria, no templo em Jerusalém. Ou seja, Jesus não foi batizado quando criança. Por isto, a maioria das igrejas evangélicas não batizam crianças, mas seguem este costume de em um culto especial, apresentarem as crianças a Deus.

Ao receber a responsabilidade de criar Jesus, Maria e José deram exemplo de dedicação e zelo em cumprir o papel designado a eles por Deus.

Não é fácil criar filhos nos dias atuais. Os pais devem ser os primeiros professores e o lar a primeira escola. Muitos pais estão transferindo esta responsabilidade a outros, quando educar é ensinar e formar caráter do berço à juventude e da juventude à maturidade.

Provérbios capítulo 22 versículo 6 diz "Instrui o menino no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele."
Uma verdadeira educação cristã deve ensinar a criança que Deus é nosso Pai, que Deus é amor, deve ensiná-la a amar Jesus e amar ao próximo.

Os filhos são herança do Senhor (Salmo 127.3) Sob a responsabilidade de mãos humanas Deus confere o criar e educar uma outra vida. Elas são depósito de Deus de confiança e esperança em nós.

Educar uma outra vida significa também ensiná-la lições sobre saúde, higiene, alimentação, drogas, fé... É preciso desenvolver suas potencialidades. Elas precisam crescer sendo bênçãos para os pais, para a igreja, para a sociedade e para o Reino de Deus.

É fundamental que quem educa, especialmente os filhos, ensinem o espírito de servir. Ajudar os outros, estar disponível, não pensar apenas em si mesmo.

Nunca deixar de corrigir. Aliás, educar é corrigir sempre: "Corrige a teu filho, e ele te dará descanso; sim, deleitará o teu coração" Provérbios 29:17

Filhos serão eternas crianças a sorrir buscando a quem possam se espelhar. Sejamos espelhos! Deus sempre cuidará de nós e de nosso  filhos.

Gilberto Horácio



terça-feira, 2 de setembro de 2014

Um Deus Servidor


Interessante a magnitude da pluralidade da criação. Há um só Deus criador de todas as coisas. Todos os seres humanos buscam por este Deus. As religiões são caminhos abertos em direção a Ele. Jesus é a luz, que definitivamente iluminou o acesso ao criador de tudo o que existe.
Mas, nós seres humanos, também somos únicos. Já pensou nisto? Sabemos de um único Deus, mas quando olhamos para nós, nos sentimos apenas mais um ser dentre bilhões de seres, especialmente humanos

Como poderemos ser ouvidos? Como poderemos ser atendidos em nossas particulares aflições, dentre espetacular concorrência? A resposta é inimaginável. Porém, racionalizada. Como somos seres ÚNICOS, não existe ninguém igual a você em toda a existência da vida. Não há ninguém exatamente igual tanto na aparência, quanto em sua personalidade, forma de pensar e agir. Nem mesmo gêmeos univitelinos ou até mesmo gêmeos siameses que compartilham o mesmo cérebro serão iguais. Cada um possui uma alma e vontades diferentes. Cada indivíduo possui o seu próprio DNA. 
É exatamente assim que Deus nos reconhece: de forma única. Quando nos comunicamos com Ele, somos identificados como seres individuais e únicos.

Fazendo uma analogia simples a um servidor de rede de computadores que pode estar em qualquer lugar do planeta, receber e atender requisições de computadores de qualquer lugar do mundo em frações de segundos, a milhares de usuários simultâneos, Deus é infinitamente capacitado de forma inimaginável a atender você e a mim. 

Assim como cada computador na internet é identificado de forma única, nós também o somos perante Deus.

Saibamos, portanto, que ainda que em meio à pluralidade dos seres, seremos, para nosso Deus, alguém amado, e de identidade plenamente revelada.

“Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros”.

(Romanos 12.4-5)

Gilberto Horácio

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Alturas muito mais profundas


Interessante que as raízes ficam escondidas dentro da terra. No tempo de seu crescimento não são vistas. Quando a árvore cresce é possível ver seu grande tronco, seus galhos, suas folhas e especialmente os frutos e sementes. Sim. É necessário paciência e serenidade para aguardar que as raízes cresçam, pois são fundamentais para a sustentação de árvores que podem ter a altura de prédios de muitos andares. 

Quando chegamos nos frutos nos alegramos em ver que todos deles se alimentam.. Que alegria!! Mas, e quando há podas??? Ah! Sim... as podas.... Desaparecem os que se interessam pelos frutos... desaparecem os que se interessam pelas sementes....

As raízes, porém, continuam cada vez mais profundas, mais grossas e resistentes. Assim, o sábio e eterno tempo faz com que as folhas voltem, os frutos e sementes também, erguendo-as a alturas infinitamente maiores, onde somente aqueles que tiverem os devidos méritos, poderão colhê-las.

"Porque há esperança para a árvore que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos." (Jó 14.7)

Gilberto Horácio

terça-feira, 29 de julho de 2014

Quando devemos jejuar?


Olá, amigos e irmãos! Vamos pensar um pouco sobre o jejum? Há várias interpretações a respeito do jejum. Cada denominação trata de uma forma diferente a prática do jejum bíblico. Não vou expor estas diferentes interpretações, mas vou compartilhar com você aquilo que entendo sobre o que Jesus disse em Mateus capítulo 9, nos versículos 14 e 15.

"Então, chegaram ao pé dele os discípulos de João, dizendo: Por que jejuamos nós e os fariseus muitas vezes, e os teus discípulos não jejuam? 
E disse-lhes Jesus: Podem porventura andar tristes os filhos das bodas, enquanto o esposo está com eles? Dias, porém, virão, em que lhes será tirado o esposo, e então jejuarão."

Entendo que Jesus ensinou que quando estivermos vivendo momentos de alegria, paz e prosperidade espiritual não precisaremos jejuar. Sim. Exatamente! 
Entretanto, se estivermos vivendo momentos de dificuldades, crises, guerras muito fortes que nos abatam significativamente, é exatamente nestes momentos que teremos que buscar o socorro através do Jejum. Nestes dias jejuaremos.

Acredito que o jejum como rotina,  como ritual religioso não terá seu papel verdadeiro de aplicação cumprido. Mas, se estivermos em momentos de profundo sofrimento, o jejum nos colocará no lugar correto: submissos e quebrantados aos pés de Deus, de Jesus e no Espírito Santo, que nos ajudará em nossas súplicas que buscam nos trazer a vitória sobre o sofrimento ou o alívio. Isto se aplica a guerra dos outros, que vez por outra também precisamos ajudar a enfrentar.

Então, se estiver tudo bem em sua vida, na medida do possível, siga em frente e coloque toda velocidade ao barco e navegue rumo a novos mares. Entretanto, se estiveres a naufragar nos oceanos da vida, ou vendo alguém se afogar junto a você, use estes remos, estes coletes salva-vidas que surgirão a partir do jejum junto aos pés de Cristo.

Lembre-se: "E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito que nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra de Deus." (Lucas 4.4)

Gilberto Horácio

terça-feira, 3 de junho de 2014

Deus limpará seus olhos


Jesus disse que felizes são aqueles que choram porque serão consolados. (Mateus 5.4). Ele cumpriu esta promessa ao enviar o Espírito Santo, que é o consolador prometido.
"Todavia digo-vos a verdade, que vos convém que eu vá; porque, se eu não for, o Consolador não virá a vós; mas, quando eu for, vo-lo enviarei." João 16.7.

Há muitas razões para chorarmos. Choramos por emoção, tristeza, dor, raiva e até por alegria. Não há quem não chore, embora o choro sem motivos aparentes pode sinalizar algum problema, como a depressão, por exemplo.

Jesus mesmo chorou ao ver Maria, irmã de Lázaro chorar pela morte de seu irmão. "Jesus pois, quando a viu chorar, e também chorando os judeus que com ela vinham, moveu-se muito em espírito, e perturbou-se.
E disse: Onde o pusestes? Disseram-lhe: Senhor, vem, e vê.
Jesus chorou." (João 11.33-35)

Mas, a certeza que Jesus nos deixou é que, de fato, o choro pode até durar uma noite, mas a alegria virá pela manhã. Ou seja, se você estiver sofrendo hoje, pode ter a certeza que você vai sorrir amanhã. Pode parecer difícil aceitar as lágrimas e o sofrimento. Mas, tenha absoluta convicção que não serão permanentes. Eclesiastes capítulo 3, versículo diz: "Há tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de alegrar-se" (Eclesiastes 3.4). Portanto, meu amigo, minha amiga, se você passa por momentos difíceis agora, saiba, com toda a certeza, que eles passarão. A vida é mesmo assim, feita de altos e baixos, de montanhas e vales.

Estar em um monte deve trazer a compreensão e preparo porque vales serão necessários no caminho. Porém, estar em um vale, traz a esperança de que ele vai passar e a alegria de um novo e belo monte virá.

Diz o ditado que não há nada melhor do que um dia após o outro e que o tempo cura tudo. Realmente há fundamentação nestas afirmações e paz ao viver um dia de cada vez na certeza de que dias mais alegres virão.


Um dia Jesus encontrou o cortejo de um funeral onde o filho único de uma viúva era levado para o sepultamento. A mãe do rapaz chorava muito, pela dor da perda, mas em direção a ela, caminhou Jesus e lhe disse que não chorasse mais. Jesus devolveu a vida ao seu filho, e fez com que o pranto se tornasse em grande alegria (Lucas 7.13)

Seja qual for a sua dor, o seu sofrimento, a sua angústia, tenha paciência, pois Deus não se compraz em teu sofrer. Ele chegará no momento certo, na hora certa, enxugando todas as suas lágrimas, porque felizes são aqueles que choram, pois serão consolados.


"E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas." (Apocalipse 21.4)

Gilberto Horácio

domingo, 11 de maio de 2014

Nossa casca de valor.


Por muitas vezes vi pessoas tristes por sentirem-se usadas, descartadas como descarta-se a casca de uma fruta, que é jogada fora. Realmente isto é triste, pois o mundo  age assim: usa e quando não há mais interesse, descarta como lixo. Talvez você mesmo tenha  passado por isso um dia, talvez você esteja sentindo isto agora. Mas, há algo interessante a refletirmos. 

Já pensou que de cascas de frutas, aquelas que jogamos fora todos os dias, é possível obter sucos maravilhosos e em muitos casos até mais ricos nutricionalmente do que a própria fruta? Exatamente. É isto mesmo que entendemos. No "descartável" para alguns há um imensurável valor para outros. Ainda que não seja visível de imediato, o valor logo aparecerá. Para quem descarta não há valor, pela ignorância sobre o que é descartado. Para quem restaura, resgata, reaproveita, revitaliza, há o pleno CONHECIMENTO sobre a riqueza do que é reaproveitado, pois o conhece como realmente o é.

Se passarmos por este sentimento temos que ter a convicção de que seremos valorizados novamente. Se você, quem sabe, se sente assim, saiba que ao serem visualizados seus verdadeiros valores, eles serão mais enaltecidos do que em qualquer outra época.

Talvez, uma empresa, na qual se dedica uma vida, descarta como casca. Talvez o marido, ao qual se dedica a juventude, descarta. Talvez os filhos, a quem doa-se todos os dias, descartam. Talvez os amigos, os parentes, ou seja lá quem for, descartam... Porém, quem somos, e nossos valores, serão transformados em sucos que alegrarão inúmeras vidas, quão mais excelentes do que aquelas que apenas descartam, pois são puras, imparcialmente livres para identificar, nas pequenas coisas o verdadeiro valor de alguém. Esse deve ser o nosso olhar em direção aos outros também, o olhar mais próximo dos olhos de Deus.

"Porque o Senhor não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coração." 1 Samuel 16:7

Gilberto Horácio

terça-feira, 6 de maio de 2014

O invertido de nós.



Quando olhamos o rosto no espelho, temos a sensação de estarmos vendo realmente como somos. Em parte é verdade e em parte não é.  É verdade que é possível se ver, mas não é verdade que nos vemos como, de fato, somos.

Há situações na vida, muito similares ao que vemos no espelho: parece que estamos vendo algo óbvio, indiscutivelmente nítido e real. Porém, a realidade é outra bem diferente do que parece ser. A razão é uma só: vemos no espelho, tudo INVERTIDO. Já parou para pensar? O espelho mostra o igual, completamente invertido. Experimente ler um texto refletido no espelho...Na vida é mesmo assim, precisamos estar atentos àquilo que parece ser o que não é.  

Há conceitos, valores, pessoas, ideais, filosofias, crenças, relacionamentos, práticas, lugares, condições, propostas, caminhos... que parecem limpos, corretos, dignos, éticos, morais, verdadeiros, direitos, mas são caminhos invertidos ao que acreditamos ser perfeito. 

Na realidade, não passam de "ilusão de ótica", verdadeiras ilusões. "Há caminhos que ao homem parece direito, mas o fim deles, são caminhos de morte." Provérbios 14.12

"...aquilo que se vê não foi feito do que é aparente." Hebreus 11.3b
Esta compreensão nos faz viver, sem acreditar plenamente naquilo que se vê, e a desenvolver uma melhor visão racional do coração, da fé, da vida, do mundo, das pessoas e principalmente de nós mesmos.

"Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido." 1 Coríntios 13.12

Gilberto Horácio

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Para enriquecer, é preciso cavar.


Imagine se você descobrisse um tesouro escondido em um terreno. Obviamente que empenharia todos os recursos para comprar aquele local e assim proteger este tesouro. É, Jesus falou sobre isso, certa vez, se referindo ao Reino dos Céus. Disse Ele:
"O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo, que um homem achou e escondeu; e, pelo gozo dele, vai, vende tudo quanto tem, e compra aquele campo."  Mateus 13.44

Vamos utilizar um pouco a aplicação do tesouro, da mesma maneira que Jesus utilizou, para pensarmos nos tesouros escondidos. Onde eles estariam?

Nossa mente nos remete imediatamente aos tesouros escondidos apresentados em filmes e livros, com muito ouro, diamantes e prata. Porém, podemos pensar neste tesouro não apenas de forma financeira, mas especialmente nos valores, outros, que possuímos e não valorizamos.

Onde estão escondidos estes tesouros? Eles estão em toda parte. Estão escondidos na sua casa, estão escondidos na sua igreja, estão escondidos no seu trabalho, e em muitos outros lugares. O que fazer, então, é apenas cavar. Isto mesmo; cavar.

Nestes campos estão escondidos os verdadeiros tesouros da vida. Neles temos tudo que precisamos para sermos felizes e não nos terrenos dos vizinhos. Não podemos desistir de cavar. Este é o segredo dos vencedores em seus próprios solos. Há tesouros em nossa igreja, em nossa família, em nosso trabalho, serenamente sagrado, que estão muito profundos, e vão requerer muitos esforços, paciência e estratégia para alcança-los, mas eles estão lá, esperando por nós. 
Jesus também afirma que "onde estiver o nosso tesouro, aí estará também o nosso coração." Mateus 6:21

Ora, se reconhecermos que nestes lugares estão os nossos verdadeiros tesouros, teremos neles depositados os nossos corações.

Há situações que nos levam a fazer desistir e sempre pensar em substituição: substituir o endereço, substituir o emprego, substituir o cônjuge, substituir a igreja, os familiares, amigos e até a fé. Mas, se voltarmos a cavar onde já estamos, vamos, perceber que começarão a aparecer as primeiras pedras de ouro e a cada dia, semana, mês, ano e até décadas, veremos que não foi preciso sair, pois já tínhamos toda a riqueza que precisávamos, bastava apenas  colocar nelas o coração e simplesmente...cavar.

Gilberto Horácio



terça-feira, 25 de março de 2014

A vida eterna é para quem?


A vida após a morte é um mistério. Ninguém quer morrer, mas todos gostariam de viver eternamente. A Bíblia Sagrada fala desta vida eterna e muito se questiona, quem terá direito a recebê-la. Será que você e eu teremos este direito?
Não acredito na doutrina da predestinação, a qual ensina que aqueles que serão salvos, e terão direito à vida eterna, já nascem predestinados a isto. O arminianismo me parece mais próximo ao que Jesus ensinou sobre salvação e vida eterna. Entendo que todas as pessoas que creem que Jesus Cristo é o salvador, o Filho de Deus, que ressuscitou dos mortos e invocarem o seu nome, receberão a vida eterna. Estas pessoas serão salvas de qualquer condenação possível após morte. Logo, entendo que todo aquele que negar a Jesus como tal, já está condenado, como claramente pode-se encontrar em diversas passagens do Novo Testamento.

Uma pergunta típica e que divide muita gente: E aqueles que nunca ouviram falar de Jesus Cristo? Pessoas, por exemplo, que nasceram  antes de Maria ter concebido Jesus, como também outras que nasceram, séculos depois, em alguma região longínqua da Terra, nunca tiveram contato com o cristianismo, com a Bíblia e não sabem que alguém morreu, em Jerusalém, na cruz por elas? 
A resposta, a meu ver é única: elas serão julgadas. Quem reconhece Jesus como salvador, está salvo; quem não reconhece e o nega, já está condenado e quem nunca o conheceu, será julgado por Deus, tendo Jesus como advogado.

Deus, o criador, é o único  apto a dizer quem será salvo, daqueles que não tiveram o privilégio de conhecer o sacrifício de Jesus pela humanidade e que um dia o próprio criador se encarnou na forma de seu Filho Jesus, para sentir o que sentimos, viver o que vivemos, sofrer o que sofremos e salvar-nos logo então, pela dor, perceber o que percebemos nesta vida de ser pó.

A meu ver, nenhuma religião ou fé pode ter a autoridade outrora muito requerida e ainda existindo por parte de muitos religiosos de apontar quem terá e quem não terá a salvação e a vida eterna. Apenas Deus, o verdadeiro e justo Juiz poderá determinar quem terá direito ao desejo de todo o homem que é viver feliz eternamente. A final, Ele é o dono do céu, da vida e de todos. Portanto, somente Ele pode decidir quem estará lá.

Uma coisa é certa: siga Jesus, e você não estará fora dessa.

"E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos." (Atos 4.12)

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." (João 3.6)

"Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim tem a vida eterna." (João 6. 47)

"Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus." (João 3.18) 

"Porque todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem, ou mal." (II Coríntios 5. 10)

"Mas tu, por que julgas teu irmão? Ou tu, também, por que desprezas teu irmão? Pois todos havemos de comparecer ante o tribunal de Cristo." (Romanos 14.10)

"E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante de Deus, e abriram-se os livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras." (Apocalipse 20.2)

"E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras." (Apocalipse 20.3)

"MEUS filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo." (I João 2.1)

Gilberto Horácio

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Jesus é o Cordeiro que nos substitui.


Quando O Senhor Deus provou a fé de Abraão pedindo que sacrificasse seu filho Isaque no alto do monte Moriá, Abraão tinha 125 anos e Isaque 25 anos de idade. O fato é que: vamos pensar... Ao chegar lá, Abraão: 1) Deu uma "Gravata" em seu filho, aos 125 anos de idade? 2) Deu uma pedrada na cabeça do filho, para assim colocá-lo no altar? 3) Disse: Filho sobe neste altar pois, Deus pediu você em sacrifício como prova de minha fé. Mas, eu sei que o Senhor é Javé Jire ( O Deus da provisão ). Ele é poderoso para, depois de você estar morto e queimado, trazê-lo de volta à vida das cinzas deste altar. Sim, certamente Isaque deitou no altar e o Javé Jire providenciou, atrás das pedras um cordeiro para substituir Isaque. Portanto, o que é impossível para você hoje? Saiba que até da morte Deus é poderoso para restituir o que você perdeu. Muito mais se ainda houver vida, é certo que o quadro mudará completamente na sua vida. CREIA!!!!. Vai aparecer o "cordeiro" para substituir você. Jesus vai substituir você! O fim aparentemente trágico vai virar testemunho de milagres. 

"E chegaram ao lugar que Deus lhe dissera, e edificou Abraão ali um altar e pôs em ordem a lenha, e amarrou a Isaque seu filho, e deitou-o sobre o altar em cima da lenha. (Gênesis 22 .9) 

"Pela fé ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado; sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito. Sendo-lhe dito: Em Isaque será chamada a tua descendência, considerou que Deus era poderoso para até dentre os mortos o ressuscitar;" (Hebreus 11.17,18)

Gilberto Horácio