SOU EVANGÉLICO, SOU FELIZ, UMA ANÁLISE DAS PRINCIPAIS QUESTÕES DA VIDA EVANGÉLICA

Por apenas: R$ 19,99 com FRETE GRÁTIS PARA TODO O BRASIL

UM LIVRO PARA ABENÇOAR A SUA VIDA.

Veja alguns capítulos que você vai encontrar neste livro.
– Ser evangélico
- Posso ser evangélico sem frequentar a igreja?
– Qual é a roupa de um evangélico?
– Como se comportar no culto evangélico
– O perigo dos cargos
– Como entender os desentendimentos dentro da igreja?
– Seu relacionamento com os demais membros
– Quanto, em dinheiro, entregarei na igreja?
– Quando o sofrimento bate à porta de um evangélico
– Entendendo por que nem todos são curados
– Evangélicos divorciados
– Ouvindo músicas não evangélicas
– Bebida alcoólica no copo de um crente?
– Nem todos falam línguas estranhas?!
– Evangélicos certos de vidas erradas
– Igreja pequena ou igreja grande?
– Excluindo membros - um mal necessário?
– Amigos e relacionamentos apenas com evangélicos?
– O que nos une é maior do que o que nos separa
– O evangélico e a morte – O que importa é ser salvo, ser você e ser feliz dentre outros capítulos.
Comprando este livro você estará abençoando e sendo abençoado. Há algo especial de Deus nele para você.
Um livro que fala de fé e de esperança.

Peça já o seu exemplar!

À VENDA NOS SEGUINTES LOCAIS:


* LIVRARIA DA IGREJA DE NOVA VIDA DE DUQUE DE CAXIAS.
Av. Presidente Tancredo Neves, 687 – Vila Itamaraty(Itatiaia) – D. de Caxias Tel./fax: (21) 3658-3200 E-mail: igreja@novavidacaxias.com.br


* Livrarias Celebrai do Shopping Center de Caxias. Rua Mariano Sendra dos Santos, SN - Duque de Caxias - RJ Quadra 4 - Loja 10 | Cel.: (21) 9346-7347 - Tel.:(21) 2671-6073

* LIVRARIA ITATIAIA NO UNIGRANRIO SHOPPING CAXIAS.
Rua Prof. José de Souza Herdy 1216. 25 de Agosto - Duque de Caxias. Tel. (21) 2671-2808


* EDITORA CONSELHO. Av. Eunice Gondin, 160, sala 206, Recreio dos Bandeirantes, RJ Tel. 3326-3844


COMPRE AGORA E RECEBA O LIVRO EM SUA CASA COM A SEGURANÇA DO pagseguro

Por apenas: R$ 19,99

Frete GRÁTIS para todo o Brasil

Através do pagSeguro você compra parcelado através dos principais cartões de crédito.
Compre também por telefone:(21) 99697-4191 e peça seu exemplar. Você vai recebê-lo na comodidade da sua casa, com total segurança e a credibilidade dos correios. Você pode comprar também por depósito bancário: Deposite o valor de R$ 19,99 na seguinte conta: Banco Santander: Agência: 4618 Conta Corrente: 01001027-8 Envie-nos e-mail constando a a data e a hora o depósito, seguido de seu endereço completo, com CEP e telefone para contato.

Você receberá em sua casa o livro SOU EVANGÉLICO, SOU FELIZ. Uma análise das principais questões da vida evangélica.

Você vai entender muito do que acorre dentro de uma igreja evangélica no Brasil. Vai ter a fé despertada, o amor a Cristo, à igreja e a você mesmo racionalizados e fortalecidos de forma simples mas, direta.

Não perca mais tempo! Investir em conhecimento é investir em você. Peça agora e seja muito abençoado pelo que vai ler e aprender.
UM LIVRO QUE TRATA DE FORMA PRÁTICA QUESTÕES VIVIDAS DENTRO DA IGREJA EVANGÉLICA.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Você é muito do seu Pai.

E eu serei para vós Pai E vós sereis para mim filhos e filhas, Diz o Senhor Todo-Poderoso. (II Coríntios 6 : 18).

Na formação de um ser humano encontramos além dos elementos genéticos, a formação do caráter, dos valores, dos ideais. Nesta formação a figura do pai e da mãe é insubstituível. Mas, e quando não há a presença do pai? E quando não há a presença da mãe? Podem ser preenchidos estes lugares por outras pessoas, mas jamais preencherão a lacuna deixada pelos pais, quando cumprem seus papeis na educação e formação de um indivíduo, que lhes cabem como missão.

Deus é nosso Pai. “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome.” (I João 1). Seguindo este mesmo princípio, entendemos que manter um relacionamento com Deus na compreensão de tê-lo como Pai, é garantia de termos formado em nós um caráter espelhado do caráter de Deus.

Deus nos trata como filhos; Ele nos gerou, nos ama, nos protege e se relaciona conosco através do seu Espírito Santo, que é a sua presença verdadeira e perceptível. Quando nos tornamos filhos de Deus passamos a conviver com Ele, a aprender dEle, a admirá-lo e amá-lo. Na mesma medida do amor está a correção, capaz de imprimir em nós o temor que é o princípio de toda a sabedoria. Neste contexto está inserida a obediência que gera, enfim, o caráter de Deus em nós. Se errarmos menos, seremos mais felizes, conseqüentemente sofreremos menos também.

Não temos uma figura de mãe, em relação ao nosso Deus. Maria foi a mãe de Jesus, entretanto, Deus jamais conferiu esta maternidade sobre nós, ainda que Jesus tenha dito isto a João quando estava na cruz. Naquele momento Jesus falava sobre o compromisso de um cuidar do outro, amparar. Não temos esta figura materna sobre nós porque o amor de Deus é um amor pleno, um amor completo, um amor que supre tudo o que um ser humano precisa em termos de cuidado, presença que supre, em termos de amor e referência de caráter. O melhor ensino é o exemplo. O melhor pai é aquele que ensina com a própria vida e com as próprias atitudes. Se olharmos, então, para Deus, seus ensinos e sua vida revelada de amor ao homem, teremos todos os parâmetros necessários para sermos plenamente completos e felizes, tendo a segurança necessária de um Pai, e nele revelado o amor de uma mãe. Porque ainda que o meu pai e minha mãe me abandonasse o Senhor me recolheria.

Você pode falar com Deus todos os dias, a qualquer momento, em qualquer lugar. Ele sempre te ouvirá. E a paz que você sentirá em seu coração ao falar com Ele em oração será a mesma paz e a alegria de perceber diariamente sua mão forte estendida abençoando sua vida cotidiana como um Pai. E o mais fantástico é saber que assim como podemos perceber o jeito de uma pessoa, podemos também perceber o jeito de nosso Pai, falando conosco diariamente, em nossa vida e nos conduzindo a viver a plenitude da vida e do amor.

A presença de Deus , que supre, como Pai sobre nossas vidas não pode ser substituída por nada e por ninguém. De forma que aquele que não se torna em filho de Deus, não o tendo como Pai, viverá uma vida com um espaço vazio preenchido apenas pela paternidade de Deus.

Não seja um órfão. Você tem um Pai. Ele cuida de você agora mesmo. Você pode conversar com Ele, ouvir sua voz, bem dentro do seu coração e receber todas as dádivas que somente o amor de um Pai poderia dar.

Se nos tornarmos parecidos com o Pai seremos sua imagem e semelhança. Você pode vê-lo em você ao olhar no espelho da vida?

Gilberto Horácio

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Entender a existência de tudo. A respostas somos nós quem damos.

A filosofia é, por definição, a busca da verdade; o pensar, o questionar e o buscar respostas e explicações sobre a vida, e sobre tudo o que existe à nossa volta. Os primeiros filósofos iniciaram a busca das respostas sobre a existência e dedicaram suas vidas nessa busca. Alguns acreditavam que tudo era água, como a idéia sobre a realidade, defendida por Tales de Mileto, filósofo grego. Pitágoras acreditava que os números são as únicas realidades verdadeiras, e neles estão a essência de todas as coisas; Heráclito de Éfeso trouxe a idéia de que tudo está em mutação, que a realidade é o “Vir-a-ser”, que define sua idéia central exemplificadora de que jamais nos banhamos duas vezes no mesmo rio, visto este estar em contínuo movimento e mutação. Já outro filósofo chamado Parmênides acreditava que “Tudo o que é, é”. Segundo ele tudo o que existe de modo absoluto, não pode mudar. Princípios interessantes como pensar que nada pode vir do nada, e que se um dia o nada existiu, o nada ainda existiria agora. Se existe algo hoje é porque o nada nunca existiu.

Não podemos deixar de ressaltar a importância e o valor que estes primeiros pensadores e questionadores tiveram para a humanidade; o desenvolvimento da ciência teve toda a contribuição destes homens. Mas o fato de, por conseqüência terem contribuído com a ciência hoje conhecida e terem sido fomentadores do pensar, eles buscavam respostas para perguntas que não existem respostas. Como a capacidade de raciocinarem vem de Deus, eles chegavam bem perto de perceber coisas que realmente fazem direcionar para a verdade, de que existe um Deus que governa tudo, que antes de existir tudo o que conhecemos Ele já existia, que a composição dos seres vivos é realmente água, que tudo o que é, é; “E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós.” (Exôdo 3:14).

A verdade única e absoluta é suficiente. Deus pensou todas as coisas. E o que importa para mim é saber que ELE ESTÁ ACIMA DAS ESTRELAS. Isso é fé? Sim. Mas, também é razão. Assim como os primeiros filósofos pensaram e conjecturavam sobre a vida, hoje, também podemos fazer o mesmo; e, hoje temos muito mais base, temos a história, temos o conhecimento dos fatos, da ciência, um conhecimento mais maduro e evoluído para não mais buscar respostas inexistentes, mas para poder perceber que mesmo sem conhecermos o impossível de se alcançar, já podemos concluir que e mente de Deus pensou todas as coisas e nos pensou também, assim como estamos pensando agora. Deuteronômio 29:29 diz que “As coisas encobertas pertencem ao SENHOR nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem a nós e a nossos filhos para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei”. Essa é a verdade: que só poderemos chegar, onde o próprio Deus permitir. E isso implica poder pensar, comentar se existe, por exemplo, vida em outros planetas, mas ter a certeza que se existisse, Deus reinaria lá também, e se não devemos conhecer isso, jamais conheceremos. A fé nos faz saber que se existe o amor é porque Aquele que nos fez, sabe o que é o amor e nos ama, e cumprirá todas as promessas no que tange àquilo que nos revelou, que foi o sacrifício de seu Único filho, Jesus Cristo para que tivéssemos o direito de morar também ACIMA DAS ESTRELAS. Onde fica este lugar? Não sei te responder, e isso não é vergonha para os seres humanos, não é vergonha para mim. Basta você e eu, em uma noite de céu bem limpo, sair no quintal ou na varanda de nossa casa e olhar o céu estrelado. E no silêncio desta contemplação e com o coração querendo perceber a essência do criador, você vai encontrar todas as respostas dentro do seu coração. E é você quem irá pintar este céu. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” João 3:16.

"Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar." (João 14 : 2)

Gilberto Horácio

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Aprender é mudança de atitude.

A psicologia nos diz que aprender significa mudar de atitude. Se mudança de atitude significa aprender, logo, vejo a necessidade de aprendermos. E não somente aprendermos, mas também ensinarmos.

Vivemos em um país em que a educação é tratada com descaso. Vivemos em um mundo de pessoas egoístas e que entendem que o conhecimento pode ser utilizado para o enriquecimento. Todavia, louvo a Deus porque há pessoas, e são muitas, que entendem que o mundo pode ser mudado através do ensino. E foi isso que Jesus fez e nos incumbiu de fazer: ensinar.

Muito mais do que ensinar ciência, filosofia, astrologia, biologia, e todos os demais campos de estudo conhecidos pela humanidade, Jesus nos ENSINOU a ensinar e viver o amor, o perdão, a fé, o respeito, a tolerância, a esperança, a limpeza de caráter, a pureza, o desapego a este mundo e às coisas matérias e visíveis, valorizando primariamente e essencialmente as coisas invisíveis, as coisas espirituais que são capazes de produzir em nós a própria vida de Deus emanada aos nossos semelhantes. Essas coisas não podem ser tiradas de nós.

Podemos ver alguém desprovido de tudo o que for material, mas jamais encontraremos alguém desprovido de qualquer conhecimento e qualidades natas e aprendidas, porque essas coisas não podem ser tiradas de nós, sobretudo a fé.

Filipenses 4 versículos 8 e 9 diz: “Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai. O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, ISSO FAZEI; e o Deus de paz será convosco.”

O que o Apósloto Paulo escreveu aos filipenses e a nós como filhos amados de Deus é: se há algum louvou, nisso devemos pensar, aprender e ensinar. E sobre tudo o que ouvimos “isso fazei” porque quando aprendemos realmente, de fato, mudaremos de atitude. E mudar de atitude significa prover ao mundo o maior ensino que pode existir, que é o ensino dado por Jesus, o ensino chamado: EXEMPLO.

Gilberto Horácio

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Aprendendo com um galo.

Aprendi algo que é impossível não transmitir. Você sabia que um galo nos traz lições maravilhosas? Pois é! Ele traz. Os galos cantam todas as madrugadas. Todas. Não há um dia que os galos não cantem. Todos os dias eles estão lá, em seus postos, erguendo a cabeça e cantando mais uma vez.

Há um episódio escrito na bíblia que menciona a figura do galo. É o momento em que Pedro negou a Jesus. Ao prometer fidelidade até à morte a Jesus, Pedro ouviu as Dele as seguintes palavras: "Disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que, nesta mesma noite, antes que o galo cante, três vezes me negarás." (Mateus 26 : 34).

E assim como Jesus disse a Pedro, aconteceu; Ele negou a Jesus três vezes, e o galo cantou. "Então começou ele a praguejar e a jurar, dizendo: Não conheço esse homem. E imediatamente o galo cantou." (Mateus 26 : 74)

Jesus disse que Pedro o negaria, mas também garantiu que o galo cantaria. Sabe porquê? Porque Jesus tinha certeza que o galo estaria lá, que o galo cumpriria seu papel, o papel para o qual Deus o designou; Jesus sabia que chovendo ou fazendo sol, frio ou calor, mesmo que tivesse um terremoto, o galo estaria no seu lugar, elevando a cabeça e cantando.

O galo não se importa se há outro que cante melhor do que ele, se há outros o criticando, se outros estão dormindo, se outros não o aceitam. Ele simplesmente está lá para cumprir o mandado de Deus: cantar.

E o fantástico é saber que o canto daquele galo mudou a vida de Pedro; o estremeceu. Ele se arrependeu de ter negado Jesus e se converteu genuinamente. E Assim como o canto de um galo sinaliza o fim de uma noite e o início de um novo dia, isso também se tornou real na vida de Pedro: um novo dia raiou, um dia de total convencimento e certeza de que Deus o vê de forma pessoal, no seu íntimo e na sua individualidade.

Deus também nos vê em nossa individualidade, Ele nos conhece pelo nome e tem um propósito específico para cada um de nós. Ele quer que sejamos e aprendamos com os galos.

Que estejamos cumprindo o papel que Deus designou para nós. Não importam as dificuldades, não importa a indiferença, as críticas, se outros desistiram, se outros cansaram e abandonaram. Deus sabia que podia contar com o galo, e Ele também quer contar conosco. –“Sim digo que confio no galo, ele cantará”. Essa é a certeza de Deus. E Deus também pode contar conosco? Ele pode contar com você? Você será achado no lugar que Deus o designou? Você será achado cumprindo aquilo que Deus determinou para sua vida?

Saiba que nesta madrugada o galo cantará, e manhã, e depois de amanhã... e depois.... depois... depois... E ainda que ele volte todo machucado, com feridas e sem penas pelas lutas de sua vida, ele sempre voltará de cabeça erguida.

Gilberto Horácio